Gravíssimo: Para bancar a campanha “Lula Livre” PT usou dinheiro público


Um levantamento da revista Istoé revela que o PT, na prestação de contas de 2018, usou cerca de R$ 1 milhão do fundo partidário para custear diárias, passagens e outros custos ligados à campanha “Lula Livre”. Só em voos para Curitiba de São Bernardo do Campo foram R$ 320 mil e entre os beneficiados estão Dilma Rousseff e Fernando Haddad. segundo O Antagonista, “A Lei 9.096/95 (Lei dos Partidos Políticos) prevê que o Fundo Partidário seja utilizado apenas em atividades de organização meramente partidárias, não em iniciativas de promoção pessoal de seus filiados”, ou seja, mais um crime pra conta do PT.Todos os